Senhoras da nossa idade

Um blogue quadrangulado entre Lisboa, Coimbra, Porto e S. Paulo

Uma questão de combustível

5 comentários

Foto: Sofia Cabeleira

Queridas senhoras,

tencionava escrever este post logo de manhã, inspirada pela fotografia que recebi por mail (obrigada, Sofia). Identifiquei-me de imediato com ela: o café sem o qual não vivo, as torradas que cá em casa perfumam o ar todas as manhãs, o cigarro que tenho fumado na varanda, nas últimas noites, com o Gonçalo.

Está a terminar a Queima das Fitas. Em Coimbra isso é sinónimo de 10 dias (noites, 10 noites) sem dormir. Para eles, que têm concertos até de madrugada e bebem quantidades absolutamente obscenas de álcool non stop; para o INEM, que atinge nesta época o pico dos picos da actividade; para quem mora ali nas redondezas do Parque Verde, que tem à porta concertos e festas e miúdos barulhentos até ser dia; e para nós, que temos, como quase todo o cidadão que habite um prédio nesta cidade, vizinhos estudantes.

Já tive que ir, mais do que uma vez, em pijama e roupão, bater à porta dos suspeitos do costume. Fui muito menos vezes do que as que seria necessário; normalmente opto pelos tampões para os ouvidos. De vez em quando, há aquela gota de água que me obriga a ir lembrá-los de que nós existimos.

Esta gente, estas crianças de vinte anos que eu tenho visto não crescer durante a passagem pela universidade, preocupa-me. Não me interpretem mal, eu tenho a barriguinha cheia de saídas à noite e copos com os amigos e farra até ser dia.

Mas esta gente… que raio de adultos virão a ser se aos vinte, vinte e poucos anos, nos finais da universidade, são absolutamente indiferentes ao facto de o seu bem-estar ser o mal-estar dos outros?

Bem, dizia eu que devia ter escrito este post de manhã mas fui vítima do meu estado de zombie e o carro parou no meio da estrada, sem gasolina, depois de ter ido levar o Gonçalo ao trabalho.

Lembrei-me de beber mais café e de fumar de vez em quando para me manter em movimento, mas esqueci-me do carro.

 

Bom fim-de-semana, beijinhos,

Marta

Autor: Marta

"Escrevo para pensar melhor."

5 thoughts on “Uma questão de combustível

  1. Adoro torrradas e leite com chocolate e café…e um cigarro depois🙂
    Rais’ parta os miúdos, bebedolas irresponsáveis, sem respeito por nada e por ninguém. Espero que consigam descansar melhor no fim de semana, beijinhos

  2. Os miúdos bêbedolas poderiam contrapôr em formato musical:

    🙂

  3. Vocês são o máximo🙂
    Beijinhos da Sofia
    (a tal do café, torradas com azeite e sal e da revista)

  4. Pingback: Cheira a Madrid « Senhoras da nossa idade

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s