Senhoras da nossa idade

Um blogue quadrangulado entre Lisboa, Coimbra, Porto e S. Paulo

Possibilidades

1 Comentário

Queridas Senhoras,

uma das nossas colegas do curso de poesia, uma professora grega chamada Elpida, acaba de colocar este testemunho no fórum de discussão. O prof. Al Filreis achou por  bem partilhá-lo de imediato na página de facebook do ModPo e na sua página pessoal. E eu quis partilhar com vocês e com quem nos lê. Acho que esta história mostra bem a dimensão, a importância e a forma muito prática e imediata como o Coursera está a influenciar e a mudar a vida concreta, de pessoas concretas, todos os dias. Têm aparecido vários testemunhos mas este é um dos mais eloquentes e expressivos:

‘I live in a century different from the one I was born; in a country that gave light to humanity and now is collapsing. I work in a public school that is literally falling apart, teaching new technologies to children with unemployed parents; preparing them for the future in a society who believes there is no future at all. For month after month I was trying to find a beam of hope; a challenge to distract me from misery. And, out of nowhere, came THIS: a new Community, a new light, a silent revolution. I will never find the right words to describe what I discover every day in this course. It is my second one in Coursera, and I see myself changing day by day. As if a new world has suddenly appeared in front of my eyes. It is not just the excellent teaching approach and the poems, the amazing personality of the instructor and the dedication of his associates. It is something more… It is my “window” to another universe; both challenging and optimistic. It is my inspiration; my “fairer House with the fairest of Visitors and an everlasting Roof”. THIS is where I can “dwell in Possibility”. And I am grateful to all of you for that!’  – Elpida, Grécia

Este é o poema que a Elpida cita, o primeiro que demos no curso e que serve  de mote à Kelly Writers House (“sede” oficial do ModPo, na foto), a “House of Possibilities” onde tudo pode acontecer:

I dwell in Possibility – (466)

BY EMILY DICKINSON

I dwell in Possibility –
A fairer House than Prose –
More numerous of Windows –
Superior – for Doors –

Of Chambers as the Cedars –
Impregnable of eye –
And for an everlasting Roof
The Gambrels of the Sky –

Of Visitors – the fairest –
For Occupation – This –
The spreading wide my narrow Hands
To gather Paradise –

Beijinhos, bom fim de semana para todas,

Céu

Autor: Céu

Que vivas tempos interessantes!

One thought on “Possibilidades

  1. Querida Céu,

    obrigada pelo teu post, e que difícil o poema com um título tão bonito.

    A minha mãe leu o que escreveste com especial atenção, os meus pais viveram em Atenas quatro anos, entre 2001 e 2005. Fizeram muitos e bons amigos, e vão acompanhado com grande tristeza a situação actual do país.

    Sabias que o nome da tua colega, Elpida, significa “Esperança” em grego ? ( foi a minha mae que me disse:))) Quem sabe, um sinal de esperança de dias mais felizes.

    um beijinho

    Mariana

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s